Soluzione Contábil

Como abrir uma agência de publicidade e propaganda

Como abrir uma agência de publicidade e propaganda mulher ruiva feliz

Para você que atua na área do marketing, e está pensando em como abrir uma agência de publicidade e propaganda, saiba que essa pode ser uma excelente e lucrativa oportunidade de negócio.

O mercado de publicidade está em franca expansão, com um número cada vez maior de empresas e organizações reconhecendo a importância de investir cada vez mais na visibilidade dos seus negócios.

Como dizia a velha máxima “a propaganda é a alma do negócio”, sendo assim, aqueles que decidem não investir em publicidade acabam ficando de fora do mercado.

Deseja saber mais sobre como abrir uma agência de publicidade? Nós podemos ajudar! Nesse conteúdo, vamos retirar todas as suas dúvidas sobre como abrir um negócio de publicidade, incluindo um passo a passo completo e orientações quanto às regras de tributação.

Se preferir, você também pode entrar em contato diretamente com a nossa equipe, clicando em um dos botões abaixo:

O que faz uma agência de publicidade?

A maior parte das agências de publicidade são extremamente versáteis e podem oferecer uma ampla variedade de serviços para os seus clientes, incluindo:

  • SEO (Search Engine Optimization);
  • Anúncios no Adwords;
  • Marketing de Conteúdo em Diferentes Formatos
  • Distribuição de E-mail Marketing;
  • Gestão de Redes Sociais;
  • Desenvolvimento de Sites;
  • Elaboração de Logos e Artes Visuais;
  • Dentre outros Serviços em Publicidade e Propaganda.

Por sua vez, esses serviços podem ser ofertados para todos os públicos, incluindo pessoas físicas e pessoas jurídicas, como empresas, organizações, associações, igrejas e órgãos governamentais.

Abertura de empresa homem foguete verde  

Uma agência de publicidade precisa abrir CNPJ?

Como vimos anteriormente, não restam dúvidas, abrir uma agência de publicidade e propaganda é um excelente negócio.

Vimos também que há uma grande variedade de serviços que podem ser oferecidos ao público em geral. Mas afinal, empresas de publicidade precisam abrir CNPJ?

Se você está pensando em como abrir uma agência de publicidade e possui dúvidas quanto ao CNPJ, saiba que sim, é preciso ter um para prestar serviços na qualidade de agência.

É importante destacar que existem profissionais da área que atuam de forma autônoma, ou seja, como pessoa física.

No entanto, vale lembrar que essa definitivamente não é a melhor opção em razão da alta carga tributária do Imposto de Renda e do INSS.

A alíquota do IR para pessoas físicas pode chegar a 27,5%, enquanto a alíquota do INSS é de 20%. Isso sem considerar o ISS, cuja alíquota pode chegar a 5%.

Na sequência desse conteúdo, vamos apresentar os principais benefícios ao abrir uma agência de propaganda

Mas, antes de prosseguir, vale retirar uma dúvida muito importante e que pode ser também a sua: Afinal, empresas de publicidade podem atuar como MEI?

De acordo com a legislação em vigor, empresas de publicidade não podem optar pelo MEI.

Quais os benefícios ao abrir uma agência de publicidade?

Se você chegou até aqui buscando informações sobre como abrir uma agência de publicidade, saiba que você está no caminho certo.

São inúmeros os benefícios encontrados por quem decide abrir um CNPJ para montar uma agência de comunicação, publicidade e propaganda.

Dentre os principais benefícios, podemos destacar:

Redução da tributação

Mencionamos anteriormente que os profissionais que prestam serviços como pessoa física precisam contribuir com alguns impostos, cujas alíquotas são elevadas, o que acaba comprometendo a lucratividade dos negócios.

Sendo assim, a redução da tributação é um dos principais benefícios relacionados à abertura de CNPJ.

Por sinal, aqui no Brasil, temos três opções de tributação que funcionam da seguinte forma:

Simples Nacional: Regime destinado para empresas com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões.

Uma agência de comunicação no Simples Nacional pode ser enquadrada em duas faixas de alíquotas distintas, são elas:

Anexo III (para organizações com folha de pagamento igual ou superior a 28% do faturamento) – alíquotas efetivas entre 6% e 19,50%.

Anexo V (para organizações com folha de pagamento inferior a 28% do faturamento) – alíquotas efetivas entre 15,50% e 19,25%.

Para efeitos de cálculo da folha de pagamento, o Simples Nacional considera o Pró-Labore dos sócios.

Vale destacar que como uma prestadora de serviços, a folha de pagamento é um dos principais custos das agências de publicidade, que, portanto, costumam entrar para o Anexo III que possui alíquotas reduzidas.

Lucro Presumido: Outra boa opção para a área de publicidade é o Lucro Presumido, principalmente para aquelas que possuem alto faturamento.

O Lucro Presumido permite faturamento anual de até R$ 78 milhões e possui alíquotas entre 13,33% e 16,33%.

A variação da alíquota está relacionada ao ISS praticado pelo município sobre atividades de publicidade e propaganda que pode ficar entre 2% e 5% da alíquota final apresentada acima.

Lucro Real: Por fim, temos o Lucro Real, um regime tributário obrigatório para organizações com faturamento anual superior a R$ 78 milhões.

Diferentemente dos regimes anteriores, o Lucro Real não leva em consideração o faturamento, mas sim, o lucro das empresas.

Com alíquotas elevadas sobre o lucro, esse regime é uma boa opção para um escritório de propaganda que está registrando prejuízos ou possui uma margem de lucro muito pequena.

Prestar serviços para grandes empresas

Além da redução na tributação, é preciso destacar que as empresas conseguem encontrar mais oportunidades de negócios que as pessoas físicas.

Ao abrir uma empresa atuar como PJPessoa Jurídica você terá permissão para emitir notas fiscais de serviço, participar de licitações e firmar contratos e parcerias com grandes empresas e órgãos públicos.

Como contrapartida, será possível conquistar uma grande carteira de clientes, potencializar o faturamento e consolidar a sua marca e serviços no mercado.

Contabilidade pessoas quebra cabeças azul  

Passo a passo de como montar uma agência de publicidade

Conferiu os benefícios? Então não perca mais tempo, confira o passo a passo sobre como abrir uma agência de publicidade:

1.Defina o porte do negócio:

  • Microempresa – ME – Faturamento anual de até R$ 360 mil.
  • Empresa de Pequeno Porte – Faturamento anual de até R$ 4,8 milhões.
  • Médio Porte: Faturamento superior a R$ 4,8 milhões e menor que R$ 300 milhões;
  • Grande Porte: Faturamento anual superior a 300 milhões.

*Segundo critérios do BNDES

2.Defina a natureza jurídica

  • EI – Empresa Individual;
  • EIRELI – Empresa Individual de Responsabilidade Limitada;
  • Sociedade Limitada Unipessoal;
  • Sociedade Empresária Limitada.
  • Sociedade Simples;
  • Sociedade Simples Pura.

3.Escolha um regime tributário;

4.Registre a agência na Junta Comercial;

5.Solicite o CNPJ na Receita Federal;

6.Registre o negócio na Prefeitura;

7.Registre o negócio na Previdência Social e Caixa Econômica.

8.Adquira um certificado digital A1 ou A3.

Cumpridas todas as etapas, a sua agência de comunicação, publicidade e propaganda estará pronta para entrar em funcionamento.

Agora que você já sabe como abrir uma agência de publicidade, entre em contato conosco, retire suas dúvidas e solicite a abertura da sua empresa e contabilidade para a sua agência de publicidade.

SUA SOLICITAÇÃO FOI ENVIADA COM SUCESSO!

Novo logo Tamanho Grande

FALE AGORA COM  NOSSOS CONSULTORES

SUA SOLICITAÇÃO FOI ENVIADA COM SUCESSO!

Um consultor entrará em contato via Whatsapp, assim que receber a mensagem. Obrigado!

O treinamento Empresário Inquebrável foi desenvolvido pensando no Pequeno e Médio empreendedor que ainda não consegue dominar todas as áreas do empreendedorismo.

Open chat