Lucro Real para bares e restaurantes – Esse é o melhor regime tributário?

Lucro Real para bares e restaurantes - imagem de empresária e seu contador especializado em bar e restaurante
O QUE VOCÊ VAI CONHECER NESSE CONTEÚDO?

O Lucro Real para bares e restaurantes ou lanchonetes e cafeterias é uma boa opção? Como funciona esse regime? Se você possui algum tipo de dúvida sobre o assunto e está em busca de uma alternativa para economizar no pagamento de impostos, saiba que você chegou ao lugar certo.

Neste regime, vamos falar sobre tributação, carga tributária e tipos de tributação para empresas no regime do Lucro Real para bares e restaurantes.

Para saber mais, continue conosco até o final ou clique em um dos botões abaixo para falar com nossa consultoria especializada em monitoramento fiscal e planejamento tributário para o segmento alimentício.

https://www.youtube.com/watch?v=3a8UBu4qBAc

Quais são as principais vantagens de optar pelo Lucro Real para bares e restaurantes?

Optar pelo Lucro Real para bares e restaurantes é uma decisão que pode lhe oferecer algumas vantagens importantes, dentre as quais, podemos destacar:

1.Tributação sobre o lucro da empresa: 

No Lucro Real, os impostos são calculados com base no lucro da empresa, ou seja, após todas as deduções e ajustes permitidos pela legislação tributária. 

Na prática, isso pode resultar em uma tributação mais precisa e alinhada com a realidade financeira do negócio, diferentemente dos regimes onde os impostos são calculados sobre o faturamento.

 2.Economia de impostos: 

Para bares e restaurantes que apresentam variações sazonais ou operam com margens de lucro mais apertadas, o Lucro Real pode proporcionar uma economia de impostos, pois permite que os tributos sejam calculados de acordo com o resultado efetivo do negócio.

Além disso, muita gente não sabe, mas o prejuízo de períodos de baixa nas vendas, pode ser utilizado para abater impostos de períodos posteriores.

Como calcular o Lucro Real de bares, restaurantes e lanchonetes?

Que um regime com apuração de impostos com base de cálculo no lucro, ao invés do faturamento pode ser uma boa opção, não restam dúvidas, mas afinal, como calcular o lucro real para bares e restaurantes?

Para calcular impostos no Lucro Real, a contabilidade precisa apurar todas as entradas e saídas do negócio, chegando ao resultado do período.

Por sua vez, é com base no resultado efetivo do período que se calculam tributos como o Imposto de Renda e a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido.

Confira as alíquotas do regime:

  • IRPJ: 15% sobre o lucro + 10% de Imposto de Renda sobre o lucro trimestral superior a R$ 60 mil;
  • CSLL: 9% sobre o lucro;
  • COFINS: 7,6% sobre o faturamento (permitidas algumas deduções);
  • PIS: 1,65% sobre o faturamento (permitidas algumas deduções);
  • ICMS: Conforme a legislação do seu estado.

O Lucro Real é recomendável para todos os tipos de bares e restaurantes?

A escolha entre Lucro Real e Lucro Presumido para bares e restaurantes depende de diversos fatores, incluindo o volume de vendas, a estrutura de custos, a sazonalidade do negócio e a margem de lucro esperada.

O Lucro Real pode ser mais vantajoso para bares e restaurantes que têm uma margem de lucro reduzida, uma vez que permite uma tributação mais precisa, calculada com base no lucro efetivo da empresa.

Por outro lado, o Lucro Presumido pode ser mais adequado para bares e restaurantes que operam com margens de lucro elevadas, especialmente se as despesas operacionais forem relativamente baixas em comparação com o faturamento.

Portanto, a decisão de optar pelo Lucro Real ou Lucro Presumido para bares e restaurantes deve ser analisada caso a caso, considerando a realidade financeira e operacional do negócio, bem como o apoio de uma consultoria contábil especializada para orientar na escolha mais adequada.

Sendo assim, não é possível responder de forma direta, ou seja, sem analisar a realidade de negócio como um todo, a perguntas do tipo:

  • O Lucro Real vale a pena para bares e restaurantes?
  • Vale a pena optar pelo Lucro Presumido para bares e restaurantes quando o faturamento ou o lucro é X?

No entanto, é possível dizer que o Lucro Real é para pequenas empresas e também grandes restaurantes, e tudo vai depender do planejamento tributário de um contador especializado.

Simples Nacional, Lucro Presumido ou Lucro Real para bares e restaurantes – Qual o melhor regime tributário?

A escolha do melhor regime tributário para bares e restaurantes entre Simples Nacional, Lucro Presumido ou Lucro Real depende de diversos fatores, incluindo a estrutura do negócio, o volume de faturamento, a margem de lucro e as despesas operacionais:

Base de cálculo:

  • Simples Nacional: O cálculo dos tributos é feito com base no faturamento mensal da empresa.
  • Lucro Presumido: A base de cálculo é uma margem presumida de lucro estabelecida pela Receita Federal.
  • Lucro Real: A tributação é, em parte, calculada sobre o lucro após deduções de despesas.

Alíquotas de impostos:

  • Simples Nacional: As alíquotas são determinadas conforme o faturamento da empresa e variam de acordo com a atividade.
  • Lucro Presumido: As alíquotas são fixas e estabelecidas por lei para cada atividade.
  • Lucro Real: As alíquotas dos impostos federais são as mesmas para todas as empresas.

Monitoramento fiscal:

  • Simples Nacional: O monitoramento é simplificado, pois os tributos são recolhidos em uma única guia.
  • Lucro Presumido: Exige maior controle que o Simples Nacional, mas um controle menor que o Lucro Real.
  • Lucro Real: Requer uma contabilidade mais detalhada e o acompanhamento rigoroso das despesas para calcular o lucro real.

Como cada regime possui suas características, apenas com a consultoria especializada de uma contabilidade para bares e restaurantes, é possível identificar o melhor regime fiscal para cada realidade.

Lucro Real ou Simples Nacional para bares e restaurantes?

O Simples Nacional pode ser utilizado por bares e restaurantes com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões. Neste regime, as alíquotas são as seguintes:

Anexo I do Simples Nacional

Faixa

Receita em 12 meses

Alíquota

Valor a deduzir

Até 180.000,00

4,00%

De 180.000,01 a 360.000,00

7,30%

R$ 5.940,00

De 360.000,01 a 720.000,00

9,50%

R$ 13.860,00

De 720.000,01 a 1.800.000,00

10,70%

R$ 22.500,00

De 1.800.000,01 a 3.600.000,00

14,30%

R$ 87.300,00

De 3.600.000,01 a 4.800.000,00

19,00%

R$ 378.000,00

Por sua vez, no Lucro Real, as alíquotas não variam e impostos como o IRPJ e a CSLL são calculados sobre o lucro.

A escolha entre um regime ou outro, depende de características específicas de cada tipo de negócio.

Lucro Real ou Lucro Presumido para bares e restaurantes?

Não existe uma resposta definitiva, em alguns casos, o Lucro Presumido é uma boa opção, enquanto em outros, o Lucro Real para bares e restaurantes é a melhor alternativa.

Cada regime possui seu modelo de cálculo e suas respectivas alíquotas. Confira:

Impostos para restaurantes no Lucro Real

  • IRPJ: 15% sobre o lucro + 10% de Imposto de Renda sobre o lucro trimestral superior a R$ 60 mil;
  • CSLL: 9% sobre o lucro;
  • COFINS: 7,6% sobre o faturamento (permitidas algumas deduções);
  • PIS: 1,65% sobre o faturamento (permitidas algumas deduções);
  • ICMS: Conforme a legislação do seu estado.

Impostos para restaurantes no Lucro Presumido:

  • IRPJ: 1.20% sobre o faturamento;
  • CSLL: 1,08% sobre o faturamento;
  • COFINS: 3%% sobre o faturamento;
  • PIS: 0,65% sobre o faturamento;
  • ICMS: Conforme a legislação do seu estado.

Contabilidade para bares e restaurantes — Por que contratar?

Agora que você já entendeu o Lucro Real e compreende que é necessária uma consultoria e um planejamento tributário, é hora de saber a importância da contabilidade para o seu restaurante.

Contar com o apoio de um escritório de contabilidade especializado, é uma decisão inteligente, visto que a lucratividade desse tipo de negócio é baixa, e a carga tributária pode ser significativamente alta, caso não seja aplicado os conceitos corretos de tributação.

Uma contabilidade especializada em empresas do Lucro Real é a porta de entrada para ter uma boa lucratividade no seu negócio, pagando o mínimo de imposto possível.

Para saber mais e contar com uma assessoria contábil que vai lhe ajudar a encontrar o regime tributário mais econômico para o seu estabelecimento, clique em um dos botões abaixo e entre em contato conosco!

Orçamento em
3 passos

Preencha o formulário
e fale com um especialista

ÚLTIMOS POSTS

SUA SOLICITAÇÃO FOI ENVIADA COM SUCESSO!

Novo logo Tamanho Grande

FALE AGORA COM  NOSSOS CONSULTORES

*ESPERE*

VOCÊ PRECISA PAGAR MENOS IMPOSTOS E ORGANIZAR A SUA EMPRESA!
Deixe a gente te ajudar!

ORÇAMENTO EM
3 SIMPLES PASSOS

SUA SOLICITAÇÃO FOI ENVIADA COM SUCESSO!

Novo logo Tamanho Grande

FALE AGORA COM  NOSSOS CONSULTORES

SUA SOLICITAÇÃO FOI ENVIADA COM SUCESSO!

Um consultor entrará em contato via Whatsapp, assim que receber a mensagem. Obrigado!

O treinamento Empresário Inquebrável foi desenvolvido pensando no Pequeno e Médio empreendedor que ainda não consegue dominar todas as áreas do empreendedorismo.