Soluzione Contábil

Como abrir uma empresa de serviços de design gráfico

Como abrir uma empresa de serviços de Design Gráfico

Em busca de informações para abrir uma empresa de serviços de design gráfico? Neste conteúdo, vamos retirar todas as suas dúvidas sobre o assunto.

Aqui você vai conferir o passo a passo para abrir uma empresa de design gráfico, conhecer os benefícios de montar o seu próprio negócio e entender como funciona a tributação sobre esse tipo de atividade.

Vai conferir também, o que faz um designer gráfico e quais os serviços esse tipo de profissional pode oferecer.

Fique definitivamente por dentro de como abrir uma empresa, acompanhando esse conteúdo até o final, ou se preferir, clique em um dos botões abaixo e fale com um dos nossos especialistas em abertura e regularização de empresas.

O que faz um designer gráfico?

O profissional que atua como designer gráfico desenvolve uma grande variedade de projetos de comunicação visual, produzindo:

  • Logotipos e marcas;
  • Artes e imagens para redes sociais;
  • Animações e vinhetas;
  • Diagramação para jornais e revistas;
  • Banners físicos e digitais;
  • Panfletos e cartazes;
  • Dentre outros itens.

Considerado um profissional de grande importância para empresas e organizações que investem em comunicação visual, o designer gráfico pode atuar de forma autônoma ou como funcionário CLT.

Atuando de forma autônoma, é possível escolher entre trabalhar como pessoa física ou abrir uma empresa, ou seja, uma pessoa jurídica.

Dentre as possibilidades para quem pretende abrir um CNPJ e montar um negócio próprio neste segmento, podemos destacar:

  • Agências de publicidade;
  • Escritórios e estúdios de design;
  • Produtoras de vídeos;
  • Empresas cinematográficas.

Avaliando as possibilidades para abrir uma empresa de serviços de design gráfico? Confira o próximo tópico.

Abertura de empresa homem foguete verde  

Abrir empresa de serviços de designer gráfico ou atuar como autônomo?

Abrir um CNPJ para escritório de design gráfico ou atuar como profissional autônomo e freelancer pessoa física? Elimine de uma vez por todas as suas dúvidas com o comparativo abaixo:

Profissional Autônomo ou Designer Freelancer

O designer autônomo precisa contribuir com os seguintes impostos:

  • Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF): Alíquota de até 27,5%;
  • Contribuição Previdenciária (INSS): Alíquota de 20%;
  • Imposto Sobre Serviços (ISS): Alíquota de 2% a 5% a depender do município.

Dentre os impostos acima, vale destacar o IRPF, calculado com alíquotas progressivas, conforme demonstrado na tabela abaixo:

Tabela do Imposto de Renda IRPF 2021


Pessoa Jurídica (empresa)

Por sua vez, ao abrir uma empresa de designer, é possível optar pelos seguintes regimes tributários:

  • Simples Nacional: Alíquota efetiva entre 6% e 19,5%;
  • Lucro Presumido: Alíquota efetiva entre 13,33% e 16,33%;

Como pessoa jurídica, o empresário também precisará contribuir com o INSS, no entanto, com alíquota menor, correspondente a 11% sobre o seu pró-labore.

Vale destacar que os demais regimes tributários não são indicados ou permitidos para esse tipo de atividade, entenda os motivos:

  • Lucro Real: Cálculo dos impostos com base no lucro e com alíquotas elevadas, acaba não sendo uma opção econômica e viável para boa parte das empresas de pequeno e médio porte.
  • MEI: De acordo com a legislação em vigor, designer gráfico não pode ser MEI.

Como podemos observar, na prática, tanto a contribuição previdenciária, como também os demais impostos acabam sendo menores para quem decide atuar como pessoa jurídica.

Quais os benefícios ao abrir uma empresa de serviços de design gráfico?

Você conhece os principais benefícios encontrados por quem decide abrir uma empresa de serviços de design gráfico?

Separamos alguns benefícios importantes para você, confira:

Redução da tributação

Como vimos no tópico anterior, a redução de tributação é um importante benefício para quem decide abrir uma agência de design gráfico.

Profissionais que atuam de forma autônoma precisam declarar seus rendimentos e contribuir mensalmente com três tributos diferentes:

  • IRPF – Imposto de Renda Pessoa Física;
  • ISS – Imposto Sobre Serviços;
  • INSS – Contribuição Previdenciária.

Por sua vez, a pessoa jurídica pode optar pelo Simples Nacional, Lucro Presumido e em casos específicos pelo Lucro Real.

Em geral, os regimes tributários oferecem economia significativa, principalmente se escolhidos com o auxílio de um serviço de contabilidade especializado.

Prestar serviços para grandes empresas

Ao montar um negócio, o designer também contará com a possibilidade de prestar serviços para grandes empresas e até mesmo para o governo por meio de licitações públicas.

Vale destacar que as grandes organizações costumam exigir a emissão de NFSe – Nota Fiscal de Serviços Eletrônica e preferem trabalhar com parceiros de negócios e prestadores de serviços devidamente registrados e regularizados perante o fisco.

Contabilidade pessoas quebra cabeças azul  

Passo a passo de como Abrir uma empresa de serviços de design gráfico

Agora que você já sabe que Abrir uma empresa de serviços de design gráfico pode garantir uma boa economia e uma série de benefícios, confira o passo a passo completo sobre como montar o seu negócio:

1.Defina o porte da empresa:

  • Microempresa – ME – Faturamento anual de até R$ 360 mil.
  • Empresa de Pequeno Porte – Faturamento anual de até R$ 4,8 milhões.
  • Médio Porte: Faturamento superior a R$ 4,8 milhões e menor que R$ 300 milhões;
  • Grande Porte: Faturamento anual superior a 300 milhões.

Observação: Classificação segundo tabela do BNDES.

2.Escolha uma natureza jurídica

  • EI – Empresa Individual;
  • EIRELI – Empresa Individual de Responsabilidade Limitada;
  • Sociedade Limitada Unipessoal;
  • Sociedade Empresária Limitada.

3.Escolha um regime tributário

  • Simples Nacional;
  • Lucro Presumido;
  • Lucro Real.

4.Registre a empresa na Junta Comercial;

5.Solicite o CNPJ na Receita Federal;

6.Solicite na Prefeitura a Inscrição Municipal e o Alvará de Funcionamento;

7.Faça o registro na Previdência Social e na Caixa Econômica Federal;

8.Adquira um certificado digital – (Tipo A1 ou A3);

Após as etapas listadas acima, o seu negócio estará devidamente legalizado e autorizado pelo fisco para entrar em funcionamento.

Deseja montar o seu negócio e solicitar abertura de empresa? Conte com o apoio de quem mais entende do assunto, escolha a Soluzione Contábil!

Clique em um dos botões abaixo para entrar em contato conosco:

 

SUA SOLICITAÇÃO FOI ENVIADA COM SUCESSO!

Novo logo Tamanho Grande

FALE AGORA COM  NOSSOS CONSULTORES

SUA SOLICITAÇÃO FOI ENVIADA COM SUCESSO!

Um consultor entrará em contato via Whatsapp, assim que receber a mensagem. Obrigado!

O treinamento Empresário Inquebrável foi desenvolvido pensando no Pequeno e Médio empreendedor que ainda não consegue dominar todas as áreas do empreendedorismo.

Open chat